Notícias das Associadas

Imposto de Renda: 6 motivos para doar o seu

not 19 12 2019 7

A sua chance de transformar o futuro de milhares de crianças com deficiência visual vai até o dia 30 de dezembro

A doação é um gesto nobre. Para realizá-lo, é preciso disponibilidade e desprendimento. E os brasileiros já estão, em sua maioria, habituados a isso. Cerca de 70% da população faz ao menos uma doação anualmente, segundo a pesquisa Um Retrato da Doação no Brasil, realizada pela Charities Aid Foundation.

A cultura de doação tem sido cada vez mais disseminada por pessoas, organizações e movimentos. Haja vista as diversas ações de incentivo que acontecem durante o ano, como o Dia das Boas Ações, o Dia de Doar, a possibilidade de doação por meio da Nota Fiscal Paulista no Estado de São Paulo e, também, por meio do Imposto de Renda.

Nem todos sabem, mas é possível doar parte do Imposto de Renda para causas sociais. E apesar de ser uma das formas de maior potencialidade, apenas 1,9% da população destinou seu IR a instituições filantrópicas no último ano, de acordo com o Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social (IDIS).

Para a Fundação Dorina Nowill para Cegos, essa possibilidade representa uma valiosa fonte de recursos para manter as atividades oferecidas para as mais de 1.300 famílias atendidas anualmente. Imagina, então, se mais pessoas aderirem a essa prática? Motivos para você fazer a sua doação é o que não faltam!

1 – Você sabe onde seu Imposto está sendo aplicado

Você sabe para onde vai todo o dinheiro dos impostos que pagamos? A maioria das pessoas não tem acesso a essas informações. Aproveite, então, para direcionar esse valor a uma causa que você realmente possa acompanhar! Na pesquisa Um Retrato da Doação no Brasil, os brasileiros afirmam que doariam mais se soubessem o que é feito com o dinheiro doado. E aqui na Fundação Dorina você sabe exatamente que sua doação apoia a produção e distribuição gratuita de livros acessíveis para pessoas com deficiência visual.

2 – É mais simples do que parece

Falar em declaração de Imposto de Renda pode parecer complicado, mas não é. Neste link, você encontra as instruções para realizar sua doação. Mas, de modo geral, é só fazer uma estimativa do valor disponível para doação (até 6% do IR), realizar um depósito ou transferência na conta exclusiva do nosso projeto, encaminhar o comprovante bancário para que possamos emitir um recibo de doação e, no ano seguinte, comprovar a doação na sua declaração do IR.

3 – Você ajuda sem gastar mais nada

Sabemos o quanto é difícil colocar a mão no bolso para dar conta de tantos compromissos financeiros, que dirá para fazer uma doação. Mas doar pelo IR é diferente, já que o valor sai do montante que você teria que pagar de qualquer jeito à Receita Federal, e ela não pode passar de 6% até dezembro. Então, caso você tenha que pagar R$ 100 de imposto e decide doar uma parte, R$ 94 iriam para a Receita e R$ 6 viriam para o nosso projeto. Já em abril, as pessoas podem destinar apenas 3%.

4 – Você pratica a solidariedade

Uma coisa é certa: os brasileiros são movidos pelo coração. E, na hora de apoiar uma causa, não poderia ser diferente. As pessoas doam quando se sentem bem e porque querem juntar forças para resolver um problema proposto. Que tal, então, você aproveitar esse clima solidário de final de ano para contribuir com a nossa causa, que é o desenvolvimento de pessoas com deficiência visual?

5 – Você transforma o futuro de crianças cegas ou com baixa visão

Quando você doa parte do Imposto de Renda, ele pode ser destinado a fundos da infância e da adolescência ou a projetos sociais. No nosso caso, doando para a Fundação Dorina, você contribui com o projeto “Leitura em todos os Cantos”, que irá produzir e distribuir gratuitamente 90 mil livros em braille, falados e digitais acessíveis para mais de 3 mil escolas e bibliotecas de todo o Brasil. Ao ter contato com livros acessíveis, milhares de crianças com deficiência visual conseguirão se desenvolver e exercer sua autonomia.

6 – Você fortalece a cultura da doação no país

Doar é uma relação de confiança, de conexão. Quem doa, confia no potencial de mudança que a causa apoiada pode gerar. E quem recebe a doação acredita na relevância do seu trabalho para tornar a sociedade melhor. A Fundação Dorina trabalha há mais de 70 anos para promover a autonomia e a inclusão de pessoas com deficiência visual. E doando o seu IR até o dia 30 de dezembro, você fortalece ainda mais esse trabalho!

Agora você já sabe o quanto vale a pena doar seu Imposto de Renda, não é? Então, nos ajude a ampliar essa rede! Compartilhe com seus amigos e vamos aproveitar todo o potencial de doação que o IR nos proporciona. Doe agora, por uma sociedade mais inclusiva!

Fonte: Fundação Dorina Nowill