Outras Notícias

Programa do Instituto Legado que acelera iniciativas socioambientais gratuitamente será 100% online em 2021

not 05 02 2021 5

O programa de aceleração de impacto que já beneficiou mais de 200 organizações e financiou mais de 20 ideias em 10 estados brasileiros chega à 9ª edição em novo formato. Em razão da pandemia do novo coronavírus, o Projeto Legado se adaptou ao longo de 2020 e será 100% online em 2021. São até 30 vagas para iniciativas sociais e ambientais de todo Brasil que terão acesso a uma maratona de capacitações e mentorias a partir de março. Os participantes também concorrem a um prêmio de R$ 10 mil. O Prêmio Legado de Empreendedorismo Social é anunciado ao final do processo, em uma cerimônia de comemoração após uma série de bancas de avaliação.

Com metodologia exclusiva do Instituto Legado, o conteúdo programático é estruturado a partir do DNA do Empreendedor Social – conceito desenvolvido pelo presidente da instituição, James Marins, em seu último livro: A Era do Impacto. O método tem como pilares as dimensões propósito, inovação e atitude. O objetivo é oferecer a negócios e instituições que atuam em causas sociais e ambientais ferramentas de gestão e uma rede colaborativa para impulsionar as ideias, consolidar a sustentabilidade financeira e expandir o impacto positivo que geram na sociedade.

Para se inscrever é preciso que os interessados estejam atuantes em suas comunidades há pelo menos um ano, mas não há exigência de formalização jurídica dos projetos. São aceitas propostas de todo território brasileiro. “O formato online nos permite chegar mais longe e atender necessidades de inúmeras causas espalhadas em diferentes regiões do Brasil. Com atividades gratuitas e sem custo de deslocamento, estamos certos de que 2021 vai proporcionar a inclusão de um novo perfil de empreendedor social em nossa aceleradora”, prevê James Marins.

O Instituto Legado também definiu as prioridades no setor socioambiental que devem apontar tendências do novo ano. Por isso, incentiva inscrições de organizações que atuem nas frentes de diversidade, ecologia e inclusão. Serão vetadas inscrições vinculadas ao poder público ou partidos políticos.

As inscrições se encerram dia 10 de fevereiro e as informações completas podem ser encontradas aqui

Fonte: ABCR